Publicidade

O que achei de Falcão e o Soldado Invernal

Primeira temporada da série chegou ao fim no dia 23 de abril.

Divulgação: Disney+

Sexta-feira chegou ao fim a primeira temporada de Falcão e o Soldado invernal, não vou me alongar muito nessa publicação, já que há um tempo atrás na estreia escrevi um pouco sobre os primeiros episódios que assisti, e também não quero dar spoilers para quem ainda não assistiu.


Se você ainda não leu, só clicar aqui, como sempre, não tem spoilers!


Bom, confesso que estava um pouco desanimada com a série e não acompanhei como tudo da Marvel, na mesma hora que saia e no mesmo dia.


Acabei assistindo a série dias depois e quando aparentemente me lembrava dela.


E só com isso já dá para perceber o quanto estava gostando não é?!

Pois bem, a série não me cativou quanto achei que iria, ou acabei colocando expectativas demais acima dela. Mas confesso que o final me animou um pouco.


Isso porque, o roteiro pareceu tomar vida nos dois últimos episódios e a parar de enrolar. Talvez se isso tivesse ocorrido desde o inicio, acho que estaria tão presa quanto fiquei em WandaVision.


Pode ser que isso tenha ocorrido apenas comigo, mas foi assim que me senti com o final da primeira temporada. Com uma cara de: Porque não foi assim desde o começo?


E a série deixa ainda uma brexa de um possível continue... e ai não sabemos se vamos continuar vendo através de uma segunda temporada ou nos filmes do novo MCU.


Mas a série em meu ponto de vista, foi curta demais, e com um roteiro morno e mal aproveitado.

E é agora que me perguntam, qual nota eu daria?

Bom, daria uns 5.9 tons de ruivos.


Se eu indico para assistir?

Olha é bom para passar o tempo, mas assista sem expectativas e para apenas manter todas as novas informações para os futuros filmes e séries da Marvel.


A série está disponível na Disney+.

0 comentário