Guerras de Verão nos remete o tradicional em um mundo tecnológico

É um longa animado Japonês que vale a pena cada segundo.

Nesse inicio de ano resolvi dar uma olhada no catalogo de animes e longas animados (OVA) da Netflix, e o escolhido de ontem foi Guerras de Verão.


Este é um longa animado que conta a história de Kenji, um garoto prodígio da matemática com problemas sociáveis. Um dia a garota que ele é apaixonado o chama para um trabalho extra e ele descobre que não vai ser um trabalho tão fácil assim.


Guerras de Verão nos mostra um Japão atual e ligado completamente na tecnologia por um tipo de rede social mundial chamada OZ, até que algo ataca essa rede e cria problemas por todo o Japão. E é então que Kenji tenta salvar o mundo tecnológico junto de Natsuki, sua veterana que o contratou junto com a família dela.


O longa é envolvente e tem traços bem elegantes. Além disso, a animação de Mamoru Hosoda consegue mostrar um Japão tecnológico e um Japão tradicional, o que isso quer dizer? Vemos uma família descente de samurais que defenderam o Japão durante a Guerras na era Meiji e ligada ao atual alto escalão do Japão, que continua unida, mantendo suas tradições e fazendo tudo pelo seu país mesmo em uma guerra tecnológica.


Kenji e Natsuki nos remetem neste longa a força da familia, a importância das tradições, o amor pela sua pátria e que a força e coragem está presente em cada um de nós, mesmo sendo nerds solitários.


Ai você me pergunta agora, vale a pena ver esse OVA? E eu digo, sim demais! Mas uma sinceridade, preferia que fosse uma anime com vários episódios e até tem sabe algumas temporadas para a história ser melhor explorada.


Mesmo assim, você pode pegar sua pipoca e ligar na Netflix para assistir esse filme tão gostoso, repleto de surpresas, trapalhadas, história e amor.

Publicidade

Ultimas Publicações

Publicidade

© 2018 - All Rights Reserved.

Website Design: Luiza Perazzini