Deputado apresenta Projeto de Lei para criminalizar jogos violentos

PL iria proibir a vendas desses jogos no Brasil.

O Deputado Federal Júnior Bozzela (PSL-SP) apresentou esta semana um novo Projeto de Lei (PL) 1577/2019, que criminaliza o desenvolvimento, a importação, venda, a cessão, empréstimo, a disponibilização ou aluguel de aplicativos ou jogos eletrônicos que incentivem a violência e da outras providências.


Alem disso, o PL propõe mudanças no Código Penal com detenção de 3 a 6 meses ou multa. E caso o crime seja cometido utilizando a internet a sentença do crime será triplicada.


A pena também se estende para os desenvolvedores, importadores, lojas ou disponibilidades de aplicativos.


E o PL não para por aí, ele também muda uma lei já existente. A Lei 12.965 de 2014 ganha um novo artigo, seria ele: “O provedor de aplicações de internet que disponibilize jogos eletro que incite a violência será responsabilizado subsidiariamente pelo crime de “incitação ao crime”, previsto pelo art. 286 do Código Penal, se deixar de promover, de forma diligente, no âmbito e nos limites técnicos do seu serviço, a indisponibilizacao desse conteúdo.”


Com isso, seria o fim de jogos como Rainbow Six Siege, CS:GO, Fortnite, PUGB, Destiny, Assassins Creed, GTA, e muitos outros que levem os jovens e adultos a uso de alguma arma para matar qualquer que seja o alvo, isso quer dizer que seria a eliminação de praticamente 90% dos jogos.


A justificativa do Deputado Júnior Bozzela é que:

" Ao menos em parte, essa banalização da vida e da violência pela população jovem é advinda pelo convívio constante com jogos eletrônicos violentos. Nesse tipo de "diversão", os adolescentes e as crianças são incitados a atividades que não condizem com seu perfil, conduzindo a formação de cidadãos perturbados e violentos".

Quanto a minha opinião sincera sobre esse projeto, espero mesmo que ele não seja aprovado. Este PL tira o nosso direito de escolha E não faz sentido quando a TV mostra diariamente a qualquer horário violência gratuita.


Diversos pisciologos já falaram sobre isso, e afirmam que a culpa não é do jogo, e sim do desvio de comportamento que já havia nessa pessoa.


E bom, para finalizar, não será apenas o final dos jogos no Brasil, como também será o fim do E-Sports. Um esporte que tem trazido milhões ao país e entregue oportunidades de emprego seja dentro ou fora dos eventos.


E ai, o que acham desse projeto?

Publicidade

Ultimas Publicações

Publicidade

© 2018 - All Rights Reserved.

Website Design: Luiza Perazzini